debenhamsblog1.jpg

Muito se de bate aqui na Grã-Bretanha sobre se a moda deveria ser mais inclusiva.

Não só em relação aos tamanhos (muitas lojas se recusam, por exemplo, a estocar tamanhos um pouco maiores), mas também às diferentes etnias (muitas marcas só usam modelos brancas em seus anúncios) e até às deficiências físicas (a questão ficou em foco depois da transmissão de um programa com modelos deficientes pela BBC).

Duas incitativas bacanas no caminho de tornar a moda mais inclusiva partiram da loja de departamentos Debenhams.

A loja utilizou uma modelo paraplégica na campanha publicitária para uma de suas marcas. E também passou a usar manequins tamanho 16 (similar ao 44 brasileiro), a média de tamanho das britânicas.

Vocês também acham esse tipo de iniciativa válida?

Ilana Rehavia | 17:09, quarta-feira, 24 março 2010